Ano passado fiz um post (aqui!) sobre os produtos que eu uso quando os meninos ficam resfriados, com aqueles narizinhos entupidos… Época que ninguém consegue dormir né! Só que depois a Nina nasceu eu tive dificuldade de lidar com um problema: o aspirador nasal que eu uso com os meninos não deu certo com ela. Ela não fica quietinha e o barulho do aparelho deixava ela de-ses-pe-ra-da. Resolvi então dar uma segunda chance para um produto que eu não gostava muito: o Nosefrida.

1

Eu comprei o Nosefrida na Amazon, no começo do ano passado. Ele era super indicado em blogs americanos e eu resolvi testar. Quando chegou eu achei a ideia meio nojentinha, já que a pessoa tem que sugar a secreção do bebê. Acabei deixando então esse item de lado. A Nina tinha poucos meses de vida e acabou pegando uma gripe dos irmãos. Não preciso nem dizer que ela ficou muito incomodada, sem dormir e sem deixar ninguém dormir. Como nada dava certo eu peguei o Nosefrida e simplesmente me apaixonei por ele logo na primeira utilização.

O aparelho é super simples: um tubo (com ajuste para a narina do bebê), uma mangueira (com ajuste para a boca do adulto) e um filtro de espuma (que fica entre as outras duas peças, para impedir a passagem de “meleca”). De primeira eu não achei essa concepção de sugar o catarro muito higiênica, mas foi um preconceito bobo. Estou usando há meses e nenhuma vez a meleca chegou perto do filtro!

4

2

Eu só uso quando a Nina está bem congestionada, o que infelizmente já aconteceu bastante. Primeiro eu aplico um pouco solução nasal (um sorinho) e coloco a bebê deitada com a cabeça um pouco elevada. Ela não gosta muito de ter o nariz aspirado e eu tenho que segurar os braços dela com uma mão. Com a outra mão eu seguro o tubo do Nosefrida e “sugo”. Em alguns segundos acabei e já passo para a outra narina. Pronto! Por mais que a Nina reclame durante o “procedimento”, ela fica super aliviada depois :)

O filtro precisa ser trocado de tempos em tempos ou se a sujeira encostar nele, coisa que nunca aconteceu por aqui. Como o produto vem com apenas quatro filtros, eu acabei comprando um pacote extra deles, que vem com 20. Mas a realidade é que ainda nem tive a necessidade de abrir essa pacote extra.

Eu me apeguei tanto a esse produto que tive que comprar um só para deixar na bolsa (sei lá quando vou precisar, né). Eu comprei meu primeiro Nosefrida nos Estados Unidos (Amazon.com) e o segundo na loja Look Bebê (super recomendo). Lá fora o produto custa em torno de US$ 16 e aqui entre R$ 75 e R$ 130.

E você já usou? Gostou? Deixe a sua opinião aqui nos comentários! :)

Compartilhe ❤

Esse foi um dos primeiros produtos que eu usei na minha vida de mãe. A minha sogra,que é pediatra, comprou esses sabonete para o Bernardo quando ele tinha dias de vida e eu usei durante bastante tempo, até acabar.

Quando a Nina nasceu, ela desenvolveu algumas bolinhas na pele (coisa de recém-nascido mesmo) e eu logo lembrei desse sabonete. Lembro que na época que eu usava no Bernardo li que o Dermacyd respeitava o pH da pele do bebê. Não entendia muito bem o que era isso, mas resolvi tentar usar com a Nina e me apaixonei novamente.

derm1

O produto é branco, bem cremosinho, super fácil de espalhar na pele do bebê. O fabricante informa que entre os ingredientes está presente o ácido láctico. Ao longo do dia o pH da pele do bebê, naturalmente ácido, acaba se desequilibrando e aí entra o ácido láctico: ele ajuda na manutenção desse equilíbrio e evita algumas doenças comuns de pele. Ele pode ser usado desde o nascimento e no corpo inteiro :)

derm2

O que eu mais gosto nesse sabonete é o cheiro (muuuuuito gostoso, de bebê mesmo) e a pele hidratadinha que ele deixa depois do enxágue. Infelizmente já testei vários sabonetes líquidos que deixavam a pele do bebê repuxando, mas esse não é o caso. O preço é meio salgadinho: em torno de R$ 18. Mas eu acho que a vale a pena se você tiver um bebê que vive tendo probleminhas na pele. Aqui em casa eu uso alternando com outros produtos.

Apesar de gostar bastante desse produto, a embalagem não me agrada muito. Para dar banho em um bebê muito novinho a gente sempre se enrola e esse potinho não ajuda em nada. Gostaria muito que eles lançassem uma versão com pump, aí ficaria bem mais fácil :)

derm3

Observação: O primeiro ingrediente que aparece no rótulo é o lactosoro, que é derivado do leite. Então cuidado mamães de crianças alérgicas! Eu usei muito esse produto no Bernardo, que tem APLV, e não tive problemas. Eu não sei se foi porque na época ele não tinha alergia ou se a fórmula mudou. Mas prestem atenção, viu? Tem bastante produto de higiene com leite e/ou glúten no mercado. 

Compartilhe ❤

Algumas semanas atrás precisei comprar um shampoo (para os meninos) para deixar lá na casa da minha mãe. Então dando uma voltinha na sessão de bebês do hipermercado encontrei a linha de higiene da Fisher-Price. Achei que o preço do shampoo super compensava pela quantidade de produto (R$ 9,58 por 400 ml) e resolvi levar.

fishercapa

O cheiro desse shampoo é uma delícia (cheiro típico de produto para bebê, beeeem suave) e dura um tempão no cabelo. A parte que mais gostei foi que ele não deixou o cabelo dos meninos seco, mesmo sem usar condicionador.

Na embalagem encontramos as seguintes informações: Hipoalergênico, Livre de corantes, Livre de parabenos,  Testado oftalmo e dermatologicamente,  Sem lágrimas, Sem sal, Limpeza suave. Até agora os meninos não tiveram nenhuma experiência ruim (como alergia no couro cabeludo ou ardência nos olhos quando o shampoo escorre), mas é importante ressaltar que entre os ingredientes está o famoso Quaternium-15. Para quem não sabe, Quaternium-15 é um conservante que normalmente é adicionado a cosméticos. Existem pesquisas que demonstram que o Quaternium-15 libera formaldeído (uma substância que é dita responsável por causa câncer e alergias na pele). Se você for pesquisar sobre isso na internet, vai perceber que existem mil opiniões e muita informação. Como existem estudos que dizem uma coisa e outros que dizem o contrário, é bem difícil formar uma opnião completamente segura. Eu ando evitando comprar produtos com o Quarternium-15 simplesmente porque tenho filhos alérgicos, mas cada mãe decide, né? Comprei esse shampoo sem olhar os ingredientes, mas agora vou usar até o final (a não ser que os meninos apresentem alguma dermatite).

fisherrot

Tirando esse meu mini-medo de qualquer coisa que dizem ser causadora de alergia, eu super indico o produto, que tem uma qualidade ótima. Beijos

Compartilhe ❤

Em setembro postei no instagram uma foto da minha Diaper Genie recém chegada… Como a Nina não tinha nascido, eu não tive oportunidade de usar a lixeira de fraldas naquela época. Aliás, a Diaper Genie é isso: uma lixeira para fraldas. Existem vários modelos de diversas marcas, mas todas prometem mais ou menos a mesma coisa: uma lixeira de fraldas que “sela” aquele cheiro ruim dentro dela.

A lixeira já vem com um refil para 210 fraldas* e a “instalação” é bem fácil. É só soltar o saquinho do refil, puxar o saco até a parte interna da Diaper Genie e dar um nó. Pronto. Quando você pisa no pedal a tampa abre, mas o acesso para a parte interna (onde ficam as fraldas sujas) fecha. Quando você solta o pedal o acesso abre e a fralda cai, mas como tudo isso é rápido o cheiro não escapa.

Quando a lixeira estiver cheia de fraldas é só abrí-la pelo meio, cortar o saco (até onde está cheio de fraldas) e dar um nó no saco que ficou.

A minha veio da Amazon.com e no total, com frete e imposto incluso, deu R$ 160. Caro? É… Mas como na primeira gravidez eu comprei uma lixeira de inox (da Tramontina) pelo mesmo preço e ela não sela nada, achei o preço da Diaper Genie bom.

diaperefil

O preço do refil também é meio salgado… aproximadamente R$ 90 para 810 fraldas*. Mas já vi vários vídeos na internet ensinando a usar sacos de lixo comuns na Diaper Genie (é só procurar no youtube!).

Preço: US$ 30 a lixeira e US$ 18 o refil (para 810 fraldas*)  na Amazon.com. Quem quiser trazer dos EUA fica bem mais barato! O pacote não é pesado, mas é relativamente grande  (70 cm  x 30 cm  x 30 cm). Então é uma coisa a se pensar!

Minha opinião: Não é indispensável, mas cumpre o que promete e é prática. Então estou feliz com o produto :)

* Esse número é aproximado, considerando fraldas tamanho RN.

Veja mais posts sobrebebês, diaper genie, Eu testei, fraldas, playtex, resenha
Compartilhe ❤